sábado, 24 de maio de 2014

Grupo Renovação lança Pré-candidato de Sérgio Siqueira

Grupo Renovação lança Pré-candidato.
Numa manhã festiva do último domingo, o grupo renovação lançou a pré-candidatura de Sergio Siqueira a deputado estadual este ano. Mais de cem lideranças vieram da região metropolitana prestigiar o evento.
Membros da diretoria do Grupo Renovação como Lucio Godoy, Henrique Oliveira, Geraldo Henrique compuseram a mesa juntamente Nelson da saúde, Dr. Mauricio presidente da Confederação dos Aposentados e Pensionista e o pastor Rogério, falaram do momento político atual e da importância do nome de Sergio Siqueira para liderar esse processo.
“Eu iria anular meu voto, mais acredito em Sergio Siqueira e na proposta do Grupo Renovação”. O resgate da cidadania e a renovação da esperança de mudanças na política, foi tema principal nas falas das pessoas que compareceram ao auditório do SIMPOL



sábado, 5 de abril de 2014



O PECADO (Paulo Sales)
Aos gritos proferia um pregador,
que facilmente dava a entender,
ser o orgulho o pecado mais peçonhento do homem
Filaram cegar os ouvintes para a verdade
Claro está, claríssimo é,
que tal pecado dá a forma perturbada, entre a frase e o seu corte.
Em fim pode descer a tarde, no céu luz sutilíssima, quase invisível
está o primeiro sinal de lua, mas para que serve tal presente da
natureza, se para o orgulhoso, a única luz sutil, passiva de contemplação
é o seu eu.
Bendita seja tu, noite, que cobres e proteges o belo e o feio com a mesma capa.
O homem que vive sem orgulho estampado no peito,
dorme o sono sossegado, tranquilo, onde a constelação ou uma estrela pouco importa para a grandeza do universo.
O orgulhoso vive sob a amargura oculta em sua existência,
que só os olhares de videntes podem enxergar.
Assim dizia o pregador, que facilmente se fazia entender.
Paulo Sales

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

EDELSON LIMA recebe milhares de mensagens no FACEBOOK. Garanhuns chora!

Ronaldo CesaremBLOG DO RONALDO CESAR - GARANHUNS - PE - Há uma hora

O tempo amanheceu chorando em Garanhuns. As redes sociais de fato são o novo canal de comunicação em massa. A internet está presente em (quase) todos os lugares e a repercussão é instantânea, principalmente em um caso que mexeu com Garanhuns, como foi o caso do professor Edelson Lima, desaparecido na noite de sábado, e que teve o corpo encontrado ontem, com reconhecimento já à noite, quando somente a internet poderia passar a informação a milhares de pessoas que estavam angustiadas e na expectativa de encontrar o professor com vida. Mas a esperança morreu junto com Edelson, e milha... mais »

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

O TEMPO


Paulo Sales



Escrito por Paulo Sales

Com todo dinheiro adquirido,
Pude comprar tudo que me era desejado.
Comprei carros, que belos carros.
Adquiri casas em todos os locais imagináveis,
Campo, praia, serra, todas imensas e bem decoradas.
Portador de tanto dinheiro trouxe a companhia de várias pessoas,
Que nunca me deixavam sozinho um instante sequer.
Recebia elogios de atos, que jamais havia praticados, ou de palavras que não foram ditas.
Com tantos recursos financeiros, fui o conquistador das mais belas mulheres,
As mais belas joias,
As mais caras e apreciadas peças de arte, de artistas que pouco me importava suas histórias.
Não falo que o dinheiro não compra a saúde, pois de fato não compra, mas ajuda muito no tratamento e no alivio a dor.
Só não consegui comprar o tempo,
Pois o tempo não retrocede,
Só depois de sua passagem lenta e quase imperceptível, é que podemos valorar sua importância.
Concluímos depois de anos que amigos são aqueles que admiram nossos corações e não nossa posição social.
Que carros, joias e imóveis, alimentam apenas uma fantasia social, mas nunca serão objetos de contemplação espiritual.
A mulher tua companheira está ao teu lado, pelo valor imensurável de um bem maior, que é você.
O tempo é cruel, pois por muito não nos deixa a oportunidade de consertar nossas falhas.
O tempo ensina, traz sabedoria,
Mas a vida é um espaço de tempo, um instante, um fio, que não podemos desperdiçá-lo com coisas vãs, mas preenche-lo com ensinamentos para um novo tempo. – O DA ETERNIDADE.

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

SENTENÇA SOCIAL



Paulo Sales

Autor Dr.Paulo Sales


Negros, pobres, humildes, diferentes e homossexuais,
de ontem e hoje, discriminados pelo falso pseudônimo do social (sociedade), esquecendo que deles (que também somos nós), nasceu a arte, a prosperidade, a invenção e a criatividade.
O social que deveria ser público, comunitário e grupal, no real contexto do vernáculo português, passa a ser para muitos uma reprimenda, uma verdadeira sentença de caráter social.
Punir por ser diferente, mas diferente de que?
Qual modelo há de perfeição?
Todos, todos sem qualquer discriminação foram gerados, criados a imagem e semelhança de DEUS.
Este ser magnânimo (DEUS), não fez da cor, do status, do sexo etc., requisitos de qualidades para a perfeição, mas apenas impôs atitudes voltadas ao bem, qualidade de valor positivo. É por vezes visto como algo que implica a reverência pela vida, liberdade, igualdade, continuidade, felicidade ou desenvolvimento humano, que nós levará ao seu encontro, um dia e isso sem cor, status ou sexualidade.
A Liberdade é prerrogativa de um povo civilizado, em um Estado democraticamente constituído, a discriminação de qualquer forma é um abuso e ilegal.
Devemos descriminalizar a diferença social, reformando uma sentença de falsa moral, onde seu subscritor não é um magistrado, mas um povo feito a imagem e semelhança do humilde, que em outrora, já cometeu o mesmo erro com o nosso criador.

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

GRITO DE UM LOUCO

Autor do testo Dr. Paulo Sales
Grito pelo direito daqueles que são banidos de falar,
Grito pelo respeito, tão esquecido, da juventude perdida,
Grito pelo amor ao pobre, tão distanciado da burguesia hipócrita.
Grito pela pátria, que foi vendida por interesses escusos,
Grito como gesto de repudio,
Ao congresso e senado corrupto.
Grito pelo enfermo, que sem medicamento algum, sofre de dor,
Enquanto que o dinheiro da medicação serviu para a formação de um filho do doutor.
Grito contra a fome, a miséria e violência,
Tema de campanhas eleitorais, que todos sabem, e nada faz, mas é a educação e escola que tudo muda e tudo constrói.
Grito como um louco, para esclarecimento de um povo, que na sua inocência (plantada), faz do meu grito um silêncio, ao vender seu voto, aniquilando um povo.
Ainda por tudo o que grito me chamam de LOUCO.

A tenção: Enquadramento por elevação de nível profissional CORRETO,


Calendário de pagamento 2014


quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Novo salário mínimo de R$ 724 em vigor nesta quinta

SIDNEY REZENDE
 Com o valor de R$ 724, o novo salário mínimo entra em vigor na quinta, dia 2 de janeiro. A quantia é 6,78% maior que o anterior e está acima da inflação medida pelo Índices de Preço ao Consumidor Amplo, divulgada no início da semana.
Previsto na Lei Orçamentária Anual de 2014, o aumento foi aprovado pelo Congresso dias antes do Natal. A presidente Dilma Rousseff assinou o decreto no dia 23 de dezembro, e em seguida confirmou o novo valor em sua rede social.
De acordo com informações do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, o novo salário mínimo injetará R$ 28,4 bilhões na economia em 2014. Segundo um calculo da entidade, com o aumento, o salário mínimo possibilita a compra de 2,23 cestas básicas.
Escrito por Magno Martins, às 23h00

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Padrão FIFA: PMs dormem no chão durante sorteio da Copa em Sauípe

Policiais Militares de diversas companhias de todo o Estado da Bahia foram convocados para dar apoio logístico e garantir a…
Continuar



tabela salarial da PMPE 2014 - lei 169/11

LEI COMPLEMENTAR N° 169/11
 
soldo + gratificação de policiamento = remuneração
 
CORONEL: R$ 15.976,08  
2º TENENTE: R$ 6.611,17
SOLDADO: R$ 2.819,88
 
 
ANEXO IV
VALORES NOMINAIS DO SOLDO E DAS GRATIFICAÇÕES QUE INDICA, POR POSTO / GRADUAÇÃO                                                     DOS MILITARES DO ESTADO (VÁLIDOS A PARTIR DE 1º DE JUNHO DE 2014)
POSTO / GRADUAÇÃO
SOLDO R$
GRAT. DE RISCO DE POLICIAMENTO OSTENSIVO
R$
GRAT. DE RISCO DE ATIVIDADE DE DEFESA CIVIL                  R$
GRAT. DE APOIO OPERACIONAL       R$
GRAT. DE APOIO ADMINISTRATIVO R$
GRAT. ASSISTENCIAL E DE SAÚDE
R$
CORONEL
13.160,95
2.815,13
2.815,13
2.638,60
2.371,36
2.364,50
TENENTE CORONEL
11.010,95
2.150,00
2.150,00
2.015,18
1.811,07
1.805,84
MAJOR
8.929,61
2.081,34
2.081,34
1.950,82
1.753,24
1.748,17
CAPITÃO
7.452,53
1.477,08
1.477,08
1.384,46
1.244,23
1.240,64
PRIMEIRO TENENTE
6.611,17
841,36
841,36
788,60
708,73
706,68
SEGUNDO TENENTE
5.841,17
770,00
770,00
721,72
648,62
646,74
SUBTENENTE
5.102,63
738,54
738,54
692,23
622,12
620,32
PRIMEIRO SARGENTO
4.509,19
593,45
593,45
556,23
499,90
498,45
SEGUNDO SARGENTO
3.927,98
581,21
581,21
544,76
489,59
488,17
TERCEIRO SARGENTO
3.368,80
559,18
559,18
524,12
471,03
469,67
CABO
2.819,88
548,92
548,92
514,50
462,39
461,05
SOLDADO
2.319,88
500,00
500,00
468,65
421,18

terça-feira, 26 de novembro de 2013

Representante do grupo RENOVAÇÃO visita comunidade em Escada

Representante do grupo RENOVAÇÃO, visita comunidade Jardim Copacabana.

Representante do grupo RENOVAÇÃO visita mercado publico de Afogados. (4 fotos)


Representante do grupo RENOVAÇÃO recebe apoio Nelson da saúde.

Sérgio Siqueira representante de grupo RENOVAÇÃO visita comunidade em Camaragibe.

Audiência discute aposentadoria especial para mulheres policiais

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado promove audiência pública, nesta quarta-feira  (27), para debater projeto que cria regime especial de aposentadoria para as mulheres policiais (PLP 275/01). A proposta, de autoria do Senado, permite que as mulheres policiais se aposentem depois de 25 anos de contribuição à Previdência Social, desde que estejam há 15 anos na carreira.
Entre os convidados para a audiência estão o ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho; e a ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário.
O PLP 275 está pronto para votação em Plenário. O deputado que pediu a audiência, João Campos (PSDB-GO), destacou que, além das demandas da categoria em torno da aposentadoria especial por atividade de risco, “é necessário observar as especificidades constantes na categoria, em especial no que se refere a questões de gênero”.
Em 2010, a Comissão de Segurança Pública aprovou outro projeto (PLP 330/06) que estabelece novas regras para a aposentadoria do servidor público policial.
Convidados
Também foram convidados para a audiência:
- o diretor do Departamento dos Regimes no Serviço Público, Otoni Gonçalves Guimarães; 
- a secretária nacional de Segurança Pública, Regina Maria Filomena de Luca Miki; 
- a diretora-geral do Departamento de Polícia Rodoviária Federal, inspetora Maria Alice Nascimento Souza;
- a comandante do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Distrito Federal, tenente coronel Cynthiane Maria da Silva Santos; 
- a presidente da Associação das Mulheres Policiais do Brasil (AMPol), Creusa Camelier; 
- o diretor parlamentar da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FENAPRF), Renato Borges Dias;
- o presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), Jones Borges Leal; e 
- a representante da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), Silvia Amélia Fonseca de Oliveira.

A audiência será realizada às 15h30, no Plenário 6.

Íntegra da proposta:

Da Redação - RL
Colaboração – Caroline Pompeu



segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Reserva: STF reconhece direito de policiais militares a se aposentarem com 25 anos de serviço

Todos os policiais e bombeiros militares conquistaram o direito de se aposentarem, com proventos integrais, aos 25 anos de serviços prestados à Polícia Militar. Esse é o novo entendimento dos Supremo Tribunal Federal e do Tribunal de Justiça de São Paulo. Tais entendimentos foram emitidos em sede de Mandado de Injunção, que é uma ação movida quando não existe uma lei que trate de algum direito constitucional.


De fato, a aposentadoria especial por periculosidade está prevista no Art. 40, § 4º da Constituição Federal de 1988, e até o presente momento em São Paulo, o Governo do Estado nada fez para editar lei que regulamente tal direito. Dessa forma, os Desembargadores reconheceram que a atividade policial militar é de fato de alta periculosidade, e por isso, determinaram que a lei aplicável ao Regime Geral de Previdência (Lei 8213) seja agora aplicável ao policial militar, em face da demora do legislador paulista. Com isso, os Tribunais demonstram cada vez mais a nova visão no sentido de que cabe ao Poder judiciário legislar positivamente, em face da demora do Poder Legislativo, considerando o interesse público.

O melhor de tudo é que Judiciário reconheceu que tais decisões são "erga omnes", ou seja, se aplicam a todos os demais integrantes da carreira policial (civil ou militar), e tal aposentadoria DEVE SER REQUERIDA NA VIA ADMINISTRATIVA AO COMANDANTE IMEDIATAMENTE SUPERIOR, requerimento este que não pode ser negado, pois do contrário, haverá flagrante desobediência à ordem judicial da via mandamental.

Esperamos agora que as instituições viabilizem o mais rápido possível a concretização de tais direitos, de forma que o policiais militares, bombeiros e policias civis rapidamente concretizem seus direitos de aposentadoria (sem óbces administrativos). Com isso, vê-se que o Poder Judiciário concedeu uma grande valorização da carreira policial, que de fato, é altamente periculosa. A decisão está no acórdão 990100375334 do TJSP.

Mandado de Injunção é uma ação movida quando não existe uma Lei que trate de algum Direito Constitucional, pela morosidade de ser criada uma Lei com referência ao Artigo 40 § 4º da Constituição Federal de 1988, como o Governo não fez nada para editar Lei que regulamentasse tal direito. Desta forma os desembargadores reconheceram que a atividade é de fato de alta periculosidade e por isso, determinaram que a Lei aplicável ao regime geral de Previdência (Lei 8.213) seja agora aplicável ao Policial Militar em face da demora do Legislador. Com isso, os tribunais demonstraram a nova visão no sentido de que cabe ao Judiciário Legislar positivamente, em face da demora do Poder Legislativo considerando o interesse público. O bom de tudo isto é que o Poder Judiciário reconheceu que tais decisões se aplicam a todas as demais carreiras Policiais (Civil ou Militar). Tal aposentadoria deve ser deixado bem claro que não é compulsória deve ser requerida na via administrativa ao Comandante imediatamente superior. Esperamos agora que as Instituições viabilizem o mais rápido possível a concretização de tais direitos, de forma que os Policiais tenham seus direitos de aposentadoria e festejem esta nova conquista. Que o entendimento e o bom senso tragam pelo menos a esperança de que tal decisão seja cumprida em todos os estados brasileiros, afinal a decisão é erga omnes, como não sou muito chegado ao latim, explico-me dizendo, que é um ato, lei ou decisão que a todos obriga ou sobre todos tem efeito.

Portal Universidade

Presidente da Câmara refuta críticas que apontam criação de pautas bomba e fala sobre a PEC300.

Deputados preparam 'mutirão' de votações de projetos polêmicos

Postado por Moderadora em 18 novembro 2013 às 8:00Comentários 
Deputados preparam 'mutirão' de votações de projetos polêmicos
Em meio às negociações do Palácio do Planalto para evitar a aprovação de "bombas fiscais" no Congresso, os deputados preparam para a…
Continuar


Fonte: http://policialbr.ning.com/?xg_source=msg_mes_network#ixzz2l2wDRA8n